estas leyendo...
ACTUALIDAD, CARLOS DE FOUCAULD, ESPIRITUALIDAD, JORNADAS DE DESIERTO, LUGARES DE ACOGIDA Y ORACIÓN, NOTICIAS, Uncategorized

DESERTO DA FRATERNIDADE SECULAR CHARLES DE FOUCAULD DE SÃO PAULO -Noticias y comunicaciones nº147

 

desierto_260x174

DESERTO DA FRATERNIDADE SECULAR CHARLES DE FOUCAULD DE SÃO PAULO
Comunidade Tamanrasset e Sítio dos Anjos – Ribeirão Pires – SP
Domingo, 21/08/2016 – Solenidade da Assunção de Nossa Senhora

Mais uma vez nos encontramos para uma experiência de silêncio. Assim deve ser nosso deserto. Por que será que muitas pessoas não sabem o que fazer com o silêncio? Por que muitos fogem de qualquer lugar ou ambiente onde reina o silêncio? Penso que não temos uma resposta acabada e nem um receituário. Mas, acredito que nosso coração possa nos dizer. Então, ouçamos nosso coração!
Certamente todos nós já estivemos num restaurante para almoçar ou jantar e fomos surpreendidos por um som absurdamente alto de uma televisão que nos mostra cenas de violência, dor e corrupção. Não deveria ser dessa forma. Comer é um ato sagrado e assim deveria ser tratado. Quanto nos aborrece a competição sonora que somos obrigados a ouvir não só nos bairros periféricos, mas também nos carros com alto- falantes que circulam pelas ruas. Talvez o mais doloroso é quando você entra em uma Igreja para uma adoração ao Santíssimo e é bombardeado por um grupo de “rezadores” que como maritacas, em alto e bom som, repetem distraidamente e sem qualquer reflexão, fórmulas antiquadas e descontextualizadas de orações. Tudo isso vai contra o silêncio. Tudo isso é um desejo e um pretexto até inconsciente de fugir do silêncio. Por que?
Hoje, com a modernidade das comunicações, muitos de nós não conseguimos nos desligar dos ZAPs e FACE: vendo, lendo, interagindo, respondendo, opinando, repreendendo, corrigindo, informando, doutrinando, ofendendo e se deixando ser ofendido. Isso também vai contra a busca do silêncio. Até as orações caseiras, hoje são intermediadas por padres e pregadores das televisões católicas, com músicas, vendas de discos, medalhas, imagens, conselhos, novenas e propaganda de remédios miraculosos. Onde está o silêncio?
Mas, tudo isso não é novo e nem vem de agora. Já o filósofo Nietzche (1844 – 1900), ainda na sua época, chamava atenção para o fato de que a vida humana finda numa hiperatividade mortal se dela for expulso todo elemento contemplativo. Diz ele: “POR FALTA DE REPOUSO, NOSSA CIVILIZAÇÃO CAMINHA PARA UMA NOVA BARBÁRIE”.
Talvez a pergunta que hoje deveríamos nos fazer, como membros da Família Espiritual de Charles de Foucauld, é essa: “QUE VALOR TEM PARA MIM O SILÊNCIO; COMO TENHO VIVIDO ESSA DIMENSÃO EM MINHA VIDA?”
Desejamos a todos e todas, um feliz DESERTO.
Coordenação Regional de São Paulo

NOTICIAS Y COMUNICACIONES Nº147
(17de agosto de 2016)
Comunidad Ecuménica Horeb Carlos de Foucauld
http://horeb-foucauld.webs.com

Anuncios

Acerca de Comunidad Horeb

Ayuda y compromiso espiritual para la unión de los cristianos, el encuentro de las religiones y el compromiso con la justicia en el carisma de Carlos de Foucauld.

Comentarios

Aún no hay comentarios.

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s

CONTENIDOS MENSUALES

Escribe tu email y recibe gratuitamente todas las novedades.

HEMOS ACOGIDO

  • 89,426 visitas
A %d blogueros les gusta esto: